Total de visualizações de página

sábado, 11 de abril de 2015

Adversidades são oportunidades!




Oi pessoal, a paz do Senhor Jesus! Tudo certo por aí?

Eu sei, faz tempo que não passo por aqui... (#envergonhada) rs, mas como sempre falei, nesse espaço eu deixo meu coração falar e, às vezes, Deus nos mostra que é hora de deixarmos Ele falar mais profundamente em nosso ser para que depois essa experiência seja compartilhada de forma completa e edificante...então, fiquei quietinha, ouvindo Papai ...Coisa maravilhosa é discernir a voz do nosso Paizão em meio a tempos difíceis =)

Tenho sido profundamente ministrada sobre as adversidades e seu papel em nossas vidas. Inevitavelmente, a adversidade atinge a todos mais cedo ou mais tarde. Alguns crentes se desintegram sob a pressão dos tempos difíceis. Tornam-se tão amargos e ressentidos em relação a Deus que se afastam do propósito em suas vidas. Podem até recorrer a comportamentos de dependência, na tentativa de escapar da dor. Outros enfrentam desafios semelhantes, mas tem uma reação totalmente diferente. Em vez de enfraquecê-los, a provação torna-os mais forte porque eles aprendem a depender mais plenamente no poder do Espírito Santo. A adversidade pode ser um fardo esmagador ou uma ponte para um relacionamento mais profundo com Deus.

Recentemente compartilhei com alguns irmãos sobre uma passagem que está lá em Mateus 26:20-25 e 47-50 e baseado nisso gostaria de falar contigo sobre propósitos, em especial, sobre o propósito de nossas vidas!

Nesse texto temos a descrição da última reunião de Jesus com os discípulos onde Ele celebrou a ceia, mas temos também, o relato sobre o traidor Judas que entregaria seu mestre aos oficiais daquela época. Eu imagino que você, assim como eu, muitas vezes leu esse texto e ao se deparar com a atitude de Judas questionou: "Ah, mais porque ele fez aquilo?". Por várias vezes, ao pensar no que Jesus sofreu eu me via pensando que se eu estivesse lá buscaria fazer algo para que nosso amado Senhor não passasse por aquilo... Quanta tolice a minha, Jesus tinha um propósito de vida que conhecia bem e Judas precisa se manifestar como traidor para que Ele pudesse ser levado à cruz e ressuscitado ao terceiro dia. O propósito de Jesus passava pela cruz mas não terminava nela.

O fato é que em nosso dia a dia buscamos nos privar de dores e do aprendizado que elas podem gerar em nós. Tenho aprendido com o Senhor que toda adversidade é uma oportunidade!! Fácil de dizer, difícil de viver, eu sei, estou nessa "luta" também, acredite! Contudo, não podemos nos esquecer que os traidores também tem um propósito de vida. Os traidores, afrontadores, odiadores tem um propósito maravilhoso, eles existem para que se manifeste em nós o propósito do Evangelho que é crescer em Deus!

As adversidades nos tiram de um estado de alienação e comodismo, elas nos fazem ir muito além até de onde imaginávamos conseguir. Adversidade gera crescimento, amadurecimento, traz resiliência!! Quer ver como? Você não estava esperto com algum bem aí vem alguém e te rouba, o que você faz? Põe uma tranca, cadeado, aumenta a segurança. Não estava preparado como deveria e alguém te faz uma pergunta que não sabe responder e te faz passar vergonha na frente de todo mundo aí você vai estudar, se preparar! Sabe querido, os opositores precisam fazer bem o papel deles que é acordar quem está dormindo. Esse não era o caso de Jesus mas Judas precisava se manifestar para que o filho de Deus fosse levado a cruz. 

Judas cumpriu bem o "papel" dele e Jesus cumpriu melhor ainda o seu papel. Tem alguém fazendo bem o papel de te opor? A posição está grande? A injustiça tem te assolado? Pelo amor de Deus faça muito bem o seu papel de brilhar e crescer! Se prepare para "virar a mesa" e transformar a maldição em benção, porque "todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus".

Aproveite todas as oportunidades de humilhação porque só serão exaltados aqueles que foram humilhados. Deus é justo juiz e a humilhação é a oportunidade para exaltação. O que fazemos em dias de perseguição, afronta, humilhação e tristeza? Nos lançamos aos pés do Senhor esperando que Ele, nosso socorro bem presente em dias de angústia se manifeste. Enquanto isso, cumprimos o nosso papel de brilhar Cristo sobre as trevas e adversidades.

A adversidade pode até trazer desconforto mas precisamos compreender que a traição e oposição aparecem para nos promover, para nos despertar para cumprirmos com os propósitos de Deus sobre as nossas vidas. O que nosso acusador acha que é cruz para nós será ressurreição, o que ele acha ser o fim, para nós é o começo (a cruz de Cristo é o maior exemplo disso), o que ele acha que é morte, para nós é glorificação... eterno peso de glória a perseguição nos traz! "Bem aventurados sois quando te perseguirem e quando disserem qualquer mentira contra vós, quando te injuriarem... ah, bem aventurados os perseguidos! Jesus nos deixou a receita, ele foi prova viva disso.

Ah que bonito é saber que nossos opositores não sabem que estão abrindo oportunidades para nós!! Os Judas são necessários, não se culpe ou entristeça demasiadamente pelas dores que enfrentou até agora. Eu sei, existem dores terríveis e não estou sendo leviana com nenhuma delas, eu também carrego as cicatrizes das minhas, contudo, nossas experiências fizeram de nós quem somos hoje. Eu sou muito mais "forte" porque tive que vencer alguns desafios na infância, por exemplo, e hoje, aquele passado de dor foi curado por um presente abundante do amor e cuidado de Deus, além disso, ao ouvir sobre a dor de outra pessoa meu coração se compadece pois "já esteve lá".

Deixa Jesus te revelar o propósito de sua vida. Gente salva brilha, gente salva vence, gente salva vê tudo cooperando para o propósito de sua vida. Não queira barrar os "Judas", não queira fugir da cruz... assuma a posição que lhe cabe, deixe Cristo brilhar e desfrute do terceiro dia após a crucificação!!

Aproveite as adversidades, elas querem te ensinar algo e querem fazer Cristo brilhar sobre e através de você!

Um abraço e até a próxima.


Nessa

4 comentários:

  1. E isso aí....no momento de crise enquanto muitos choram outros vendem lenços, ou seja vislumbram oportunidades, onde os outros só enxergam lamentos. Glórias á Deus, não pelas dores, mas pelo suporte que Ele nós dá para passarmos por ela.

    ResponderExcluir
  2. Demorei, mas vim ler..
    Amém....

    ResponderExcluir